História

Humberto descobriu que estava contaminado com o vírus HCV, da Hepatite C, no ano de 2010, ao preparar-se para ir à África do Sul assistir à Copa do Mundo. Como tencionava percorrer vários países da África em trabalho de ajuda às crianças com câncer, ele resolveu tomar vacinas. O infectologista que o atendeu pediu-lhe que fizesse alguns exames de sangue. Entre eles o da Hepatite C. Ao fazê-los, descobriu que, para a sua surpresa, estava contaminado.

 

Ato seguinte, ao realizar a biopsia do fígado, constatou a Cirrose. Concluiu-se que ele deveria estar contaminado há muitos anos, provavelmente há mais de 30 anos, sem nunca ter sentido qualquer sintoma.

Ao voltar da África e iniciar tratamento, Humberto pesquisou tudo sobre o assunto das Hepatites, principalmente a C, ao ponto de tornar-se um "expert" no tema. Iniciou aí uma seqüência de diversos congressos no país e também no exterior. Perplexo com fato de nunca ter sentido qualquer sintoma, mas de estar já com o fígado comprometido e com Cirrose avançada, Humberto descobriu que havia outros 3 milhões de brasileiros carregando o vírus sem saber -Cerca de meio bilhão em todo o mundo, se somadas as formas B e C da doença.